Qual a sua desculpa para não ler mais?

Todo mundo já se pegou fazendo a mesma promessa de ler mais. Criamos listas e salvamos referências, perguntamos para os amigos e um projeto começa a tomar forma. Mas a concorrência muitas vezes é pesada e pode ficar até um pouco “desleal”. O que podemos fazer é pensar estratégias para conseguirmos realmente incluir a leitura como parte do dia a dia.

Crie uma rotina

Essa primeira dica é batida, mas… Não estou falando em 100 páginas por dia ou 2 horas diárias.

E se você trocar aquela meia hora de joguinho no celular por algumas páginas de uma leitura agradável? A ajuda para escrever melhor e se comunicar com mais clareza também está nessas pequenas mudanças.

Pensando um pouco, você ocupa seu tempo com vários outros tipos de entretenimento e pode substituir pelo menos um deles por um pouco de leitura. Aquela maratona de qualquer série na Netflix pode virar um livro completo em um fim de semana!

Coloque uma meta de leitura

Também pode parecer banal, mas é bem mais fácil colocar em prática algo que tem um objetivo. Gosto da ideia de ler por um tempo determinado por dia e também de números, mas nada muito impossível. Um livro por mês é tranquilo para você? Pronto. Já está ótimo. Melhor um bom livro do que 5 mais ou menos.

Tente mesclar livros da sua área, biografias e literatura. Isso ajuda demais na hora de procurar novas referências e de ampliar o seu vocabulário e temas de conversa.

Por falar em vocabulário, sua lista pode incluir também livros em outros idiomas. Só lembre-se de escolher algo próximo da sua realidade e que será prazeroso. Já perdi as contas de quantas pessoas contaram que decidiram ler Game of Thrones no original e acabaram frustradas. Mas leituras mais leves e com uma linguagem contemporânea podem ser fáceis e agradáveis.

Que tal investir em novas oportunidades de leitura?

Essa é uma das opções mais interessantes para criar um hábito novo. Se você tem muita dificuldade de escolher um novo título ou falta aquele empurrãozinho para mudar a sua rotina, hora de escolher um bom serviço de assinatura.

Se quiser uma super biblioteca ao seu dispor por um valor bem tranquilo, vá de Kindle Unlimited. Você pode ler no seu dispositivo ou em qualquer plataforma digital com o app instalado e tem ao seu dispor milhares de títulos, entre clássicos, lançamentos, técnicos e literatura. O serviço funciona como uma biblioteca comum, em que você pode ter até X livros ao mesmo tempo e devolve um para receber o próximo. Testar os 30 dias gratuitos é uma boa oportunidade para entender se você vai se adaptar ou não ao modelo.

Pra quem gosta de livros físicos, duas boas oportunidades são bem interessantes, ambas do mesmo produtor. A TAG oferece um serviço de curadoria com os livros preferidos indicados por um grande nome da literatuda e um só com inéditos ainda não publicados no Brasil, mas de grande sucesso internacional . Eles chamam o serviço de Experiências Literárias e sempre que alguém fala dele pra mim é realmente o que percebo. É um trabalho bem completo, bem pensado e que entrega o melhor para seus assinantes. São livros surpresa, mas com uma pesquisa vasta e indicações de pessoas que são referências e o de inéditas sempre traz novidades e autores contemporâneos. Todos os kits vêem com brindes e edições exclusivas dos impressos.

E pra quem sempre tem o tempo como motivo para não ler mais, eu indico mais uma vez o 12 minutos. Você pode rebater dizendo que ler resumos não é a mesma coisa de ler livros completos e eu vou concordar totalmente. Mas se o tempo é realmente o que faz a diferença para você, otimizar a sua experiência pode ser o melhor para seu desejo de ler mais – e você tem o período gratuito de testes para já entender o modelo. Se você começa a ler ou ouvir os resumos pode passar a se interessar mais por um ou outro assunto. Sem contar que você vai estar bem mais atualizado sabendo o melhor de cada um dos conteúdos escolhidos.

Já conteí de quando a minha vida de leitora mudou ao ter a minha biblioteca completa dentro da mochila a qualquer momento.

E aí, qual o seu próximo passo para ler mais?

Deixe uma resposta